Caprinocultura voltada à produção leiteira

Não é segredo que caprinos são mais eficientes em produção de leite do que de carne, mas você conhece os melhores meios de manejo e os benefícios dessa produção leiteira?

Leite de cabra: uma produção ainda pouco explorada


Infelizmente o leite de cabra ainda é algo que causa relutância em ser adicionado ao consumo de grande parte dos brasileiros, devido as suas características peculiares, como o sabor e o aroma pelo elevado teor de ácidos graxos em sua composição.




Porém, o leite caprino e seus derivados são grandes promissores na indústria láctea pelo seu alto valor nutritivo que estão relacionados à saúde, como por exemplo, o uso desse leite para tratamento de pessoas com intolerância à lactose, ou seja, que não podem consumir leite bovino.


Outro ponto a ser considerado é que para o produtor que trabalha com essa finalidade, é o aumento da disponibilidade de alimentos a serem comercializados, gerando um capital financeiro maior.



 

Manejo de Cabras

Se você está pensando em iniciar ou engajara a sua produção de cabras leiteiras, é importante conhecer alguns aspectos sobre seu manejo.



Caprinos são mamíferos ruminantes herbívoros, que se adaptam facilmente a diversos sistemas de produção, e eles podem ser classificados de acordo com a idade: como bode (macho adulto), cabra (fêmea adulta), bodete e marrã (macho e fêmea imaturos, respectivamente, com idade de 6 a 15 meses) e cabrito(a) (filhote de 0 a 6 meses).




Principal raça para a produção de leite

O Brasil é um país que possui uma variedade de climas típicos em cada região, o que implica sobre as condições climáticas e qual raça se adaptará melhor aquela região, garantindo um melhor investimento e o melhor retorno financeiro.


Saanaen é a principal raça de cabras leiteira no Brasil, podendo produzir de 520 a 920 kg de leite por lactação, em 250 a 300 dias de lactação, é um leite com 3 a 3,5% de gordura, e geralmente produz 3 crias a cada 2 partos.



 

Principais sistemas de produção

O Sistema Extensivo com divisão de piquetes, é realizado com os animais soltos à pasto, onde são feitas rotações através desses piquetes. Fornecendo dessa forma maior descanso para o crescimento da pastagem através do controle, maior controle dos animais e menor contaminação por vermes.

No Sistema Semi-Intensivo, eles são soltos pela manhã e presos novamente na parte da tarde. É um sistema recomendado para animais ordenhados 1x ao dia, melhorando assim, índices reprodutivos.

No Sistema Intensivo, os caprinos ficam confinados, onde a água e os alimentos necessários são fornecidos em cochos. Tendo uma maior produtividade por animal e por área, e um melhor acompanhamento dos animais, a fim de prevenir doenças e tratá-las rapidamente.


 

Principais alimentos utilizados na nutrição

Um dos principais tipos de alimentos para os caprinos, são os alimentos volumosos, que são aqueles com alto teor de fibra e baixo valor calórico. Entre eles estão:

Pastagens que representa a forma mais prática e econômica para a alimentação, mas sofre alterações durante o ano por conta das condições climáticas.

A cana-de-açucar, possui alta produtividade por hectare, apresentando sua maturidade no período seco do ano, sendo esse um importante recurso forrageiro para a propriedade.

Silagem de milho ou de capim, esse é um processo de conservação de forragens, podendo ser fornecido com qualidade durante todo o ano.

E o feno é um tipo forragem seca conservada, é um alimento versátil e facilmente transportável.

 

manejo reprodutivo

É importante se ter um conhecimento sobre o ciclo estral das cabras, que dura em média 21 dias, mas com variação de 17 a 24 dias. O estro corresponde ao período em que a fêmea está receptiva ao macho, que culmina com a ovulação que ocorre no final ou logo após o término do estro, tendo uma duração de 24 a 48 horas, com média de 36 horas.

A reprodução pode ser realizada através da monta controlada ou através de Inseminação Artificial (IA).


Cuidados com as cabras gestantes e com o parto



O período de gestação das cabras é em média 150 dias, com cuidados e observações redobradas sobre as futuras mamães, fornecendo alimentação em maior quantidade e cuidados com o úbere.

Quando estiverem próximas de parir (6 dias antes), elas devem ser realocadas para baias ou piquetes maternidade, a fim de observá-las constantemente para que não haja problemas durante o parto.






 

Cuidados com as crias


Devem ser realizados ações para garantir a sobrevivência e desenvolvimento dos(as) cabritos(as). O cordão umbilical deve ser cortado e tratado e as crias devem mamar ou receber colostro, imediatamente após o nascimento e por um período de 36 a 48 horas.

O desmame é feito após 48 horas, podendo a partir daí oferecer leite pasteurizado, preferencialmente de vaca ou sucedâneos de leite. A quantidade de leite a ser oferecida corresponde a aproximadamente 10% do seu peso vivo, sendo oferecido duas vezes ao dia.

Quando as crias serão destinadas a produção leiteira, a descorna deve ser uma prática obrigatória para facilitar o manejo dos animais e a redução de ocorrência de acidentes, essa atividade deve ser feita com as crias com idade inferior a 15 dias com o uso de ferro quente.

 

Ordenha


A ordenha das cabras leiteiras podem ser feitas manualmente ou mecanicamente, porém em ambos devem-se tomar cuidados e serem higienizados antes e depois da ordenha. As higienes devem ser feitas tanto nas mãos do produtor, quanto no úbere das cabras, a fim de evitar possíveis infecções que prejudicarão no processo produtivo.


Cuidados com o leite

O leite após coletado deve ser filtrado, logo em seguida refrigerado ou congelado, se não for imediatamente destinado para o beneficiamento.



 

Certamente o leite de cabra trás inúmeros benefícios para o nosso organismo, assim como para quem produz os animais destinados a este fim, sendo essa, uma alternativa rentável e com grande chance de exploração. Outra alternativa é a comercialização de derivados, pois apresentam sabores e aromas próprios, apreciado por muitas pessoas.


 

Gostou do conteúdo? Ficou interessado em ter uma produção de cabras leiteiras? Vem falar com a ProZoo, que nós te ajudamos a ganhar uma renda extra ou outra alternativa de produção!


Conheça as nossas redes sociais!














85 visualizações0 comentário